Envelhecimento cutâneo

Com o passar dos anos, a aparência da pele sofre com a perda do tônus e da capacidade de hidratação. O resultado é o envelhecimento cutâneo. Entretanto, graças aos recursos cada vez mais modernos da Medicina Estética, surge a cada ano um novo tratamento que auxilia no combate ao envelhecimento da pele.

Aliados a uma alimentação equilibrada e aos hábitos saudáveis, esses tratamentos conseguem mudar radicalmente a aparência da pele, com a renovação e o clareamento. O médico Dermatologista é o especialista capaz de identificar a carência e sugerir o tratamento mais apropriado para devolver a saúde e a vivacidade da pele.